Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Contador D'Estórias

Um blog com estórias dentro.

Contador D'Estórias

Um blog com estórias dentro.

Dom | 16.08.15

Hoje É Dia De Música

Carina Pereira
Aos Domingos vou passar a deixar-vos um vídeo de Fado, assim como uma espécie de cerimónia dominical a que não se pode faltar. Será o meu pregar pessoal aos peixes, se quiserem (vocês serão os peixes).Hoje fica uma recente e toda catita como é, aliás, o vídeo.Um excelente Domingo a todos! E força nas canetas para mim, que é último dia de férias!Carina Pereira [embed]https://www.youtube.com/watch?v=IZNaWTqPydg[/embed]
Dom | 16.08.15

Hoje É Dia De Música

Carina Pereira
Aos Domingos vou passar a deixar-vos um vídeo de Fado, assim como uma espécie de cerimónia dominical a que não se pode faltar. Será o meu pregar pessoal aos peixes, se quiserem (vocês serão os peixes).Hoje fica uma recente e toda catita como é, aliás, o vídeo.Um excelente Domingo a todos! E força nas canetas para mim, que é último dia de férias!Carina Pereira [embed]https://www.youtube.com/watch?v=IZNaWTqPydg[/embed]
Sex | 14.08.15

Brincar Aos Fados

Carina Pereira
Quando eu era criança, o Fado parecia-me coisa de adultos. Como gostar de música clássica, ou de sopa. Felizmente, o Bravo Bravíssimo aconteceu e trouxe, a mim e a outros, a Lenda da Fonte e, inevitavelmente, uma ligação com o Fado. Ténue, talvez; não era a música que eu, já adolescente, procurava para ouvir, mas o gosto que ganhei em cantarolar este Fado aos dez anos nunca me permitiu dizer – nem por vergonha – que não gostava dele. Estava lá, entre os discos que eu, por (...)
Sex | 14.08.15

Brincar Aos Fados

Carina Pereira
Quando eu era criança, o Fado parecia-me coisa de adultos. Como gostar de música clássica, ou de sopa. Felizmente, o Bravo Bravíssimo aconteceu e trouxe, a mim e a outros, a Lenda da Fonte e, inevitavelmente, uma ligação com o Fado. Ténue, talvez; não era a música que eu, já adolescente, procurava para ouvir, mas o gosto que ganhei em cantarolar este Fado aos dez anos nunca me permitiu dizer – nem por vergonha – que não gostava dele. Estava lá, entre os discos que eu, por (...)
Sex | 14.08.15

Lavadeira

Carina Pereira
Eu avisei que, retornada de férias, aí vinha Fado. Depois do Relógio de Botequim, aqui fica mais uma letra. Outra vez, sem melodia, porque a minha tocadeira de viola dá para muito pouco. Novamente, na voz de um homem, sei eu lá porquê!*De manhã quando endireito A lapela do casaco Imagino as mãos dela A pousarem-me no peito A fazerem o que eu faço Lavadeira de olhos negros (...)
Sex | 14.08.15

Lavadeira

Carina Pereira
Eu avisei que, retornada de férias, aí vinha Fado. Depois do Relógio de Botequim, aqui fica mais uma letra. Outra vez, sem melodia, porque a minha tocadeira de viola dá para muito pouco. Novamente, na voz de um homem, sei eu lá porquê!*De manhã quando endireito A lapela do casaco Imagino as mãos dela A pousarem-me no peito A fazerem o que eu faço Lavadeira de olhos negros (...)
Qui | 13.08.15

Relógio De Botequim

Carina Pereira
E porque o Fado é sempre um bom ponto de partida, aqui vai a primeira publicação. Uma letra, sem melodia inventada a acompanhar.Fala do amor de um homem por uma messalina (ah, valha-nos o José Eduardo Agualusa para nos ensinar palavras mais bonitas para as coisas).*Quando bater a meia-noite No relógio do botequim Não te esqueças, meu amor Que pertences só a mim Dá-lhes beijos mentirosos Quando em ti fazem pousio Que nas nossas horas mortas É quando eu mais te aprecio  E se (...)
Qui | 13.08.15

Relógio De Botequim

Carina Pereira
E porque o Fado é sempre um bom ponto de partida, aqui vai a primeira publicação. Uma letra, sem melodia inventada a acompanhar.Fala do amor de um homem por uma messalina (ah, valha-nos o José Eduardo Agualusa para nos ensinar palavras mais bonitas para as coisas).*Quando bater a meia-noite No relógio do botequim Não te esqueças, meu amor Que pertences só a mim Dá-lhes beijos mentirosos Quando em ti fazem pousio Que nas nossas horas mortas É quando eu mais te aprecio  E se (...)
Dom | 19.07.15

Se Não Posso Ter Mais Nada

Carina Pereira
Já há muito que não trazia aqui uma letra... Por isso, e em tema claro de Fado, aqui fica uma. Desta vez não há melodia a acompanhar, só o poema.E sim, é do ponto de vista de um homem, porque às vezes sai assim. :D*Pedes que não te esqueça Que te guarde no meu peito Enquanto insistes em partir Como se, sem teu pedido Eu pudesse, por direito Escolher não te seguir Manténs-me as amarras presas E na tua tempestade Sou assim barco à deriva Mas prefiro, por fraqueza, Morrer da tua (...)
Dom | 19.07.15

Se Não Posso Ter Mais Nada

Carina Pereira
Já há muito que não trazia aqui uma letra... Por isso, e em tema claro de Fado, aqui fica uma. Desta vez não há melodia a acompanhar, só o poema.E sim, é do ponto de vista de um homem, porque às vezes sai assim. :D*Pedes que não te esqueça Que te guarde no meu peito Enquanto insistes em partir Como se, sem teu pedido Eu pudesse, por direito Escolher não te seguir Manténs-me as amarras presas E na tua tempestade Sou assim barco à deriva Mas prefiro, por fraqueza, Morrer da tua (...)
Sex | 17.07.15

Fados do Fado de Marco Rodrigues

Carina Pereira
O dia 10 de Julho deste ano marcou uma nova norma ditada pela Federação Internacional da Indústria Discográfica, a partir da qual as novidades musicais passam a sair às sexta-feiras. Nesse âmbito, o mais recente álbum de Marco Rodrigues, Fados do Fado, foi editado pela Universal neste dia, o primeiro de muitas sextas-feiras recheadas de novidades.Nascido em Amarante, Marco Rodrigues mudou-se para Lisboa aos 15 anos, e se já antes tinha arrebatado um honroso segundo lugar na Gran (...)
Sex | 17.07.15

Fados do Fado de Marco Rodrigues

Carina Pereira
O dia 10 de Julho deste ano marcou uma nova norma ditada pela Federação Internacional da Indústria Discográfica, a partir da qual as novidades musicais passam a sair às sexta-feiras. Nesse âmbito, o mais recente álbum de Marco Rodrigues, Fados do Fado, foi editado pela Universal neste dia, o primeiro de muitas sextas-feiras recheadas de novidades.Nascido em Amarante, Marco Rodrigues mudou-se para Lisboa aos 15 anos, e se já antes tinha arrebatado um honroso segundo lugar na Gran (...)
Dom | 12.07.15

Ser Aquele

Carina Pereira
Toda a gente sabe que eu adoro Camané. Às voltinhas no youtube dei com este vídeo, uma interpretação sublime do tema Ser Aquele, do filme The Portuguese Nun.A tristeza que Camané transmite, não tanto a que vislumbramos na sua expressão, mas quando, de olhos fechados, nos deixamos embalar pela sua voz, é de sentir lá bem no fundo. Eu, que nem estou triste, até parece que estou.Ignorem a tradução perdida, que deixa a letra e o seu significado bem aquém, e ouçam.Carina Pereira [embed (...)
Dom | 12.07.15

Ser Aquele

Carina Pereira
Toda a gente sabe que eu adoro Camané. Às voltinhas no youtube dei com este vídeo, uma interpretação sublime do tema Ser Aquele, do filme The Portuguese Nun.A tristeza que Camané transmite, não tanto a que vislumbramos na sua expressão, mas quando, de olhos fechados, nos deixamos embalar pela sua voz, é de sentir lá bem no fundo. Eu, que nem estou triste, até parece que estou.Ignorem a tradução perdida, que deixa a letra e o seu significado bem aquém, e ouçam.Carina Pereira [embed (...)
Sex | 10.07.15

Marco Rodrigues E A Reinvenção Dos Fados

Carina Pereira
Hoje foi editado para o mercado o novo álbum do fadista Marco Rodrigues, Fados do Fado.Por questões espaço-temporais - comprei o álbum em pré-venda mas o caminho até solos Belgas é longo e demorado - não tenho ainda o disco em mãos, mas trago-o aqui na mesma.Neste álbum, pela primeira vez na colectânea de quatro discos do fadista, não existem originais. É, assumidamente, uma homenagem prestada aos homens do fado.Na voz de Marco Rodrigues reencontramos, entre tantos outros, (...)
Sex | 10.07.15

Marco Rodrigues E A Reinvenção Dos Fados

Carina Pereira
Hoje foi editado para o mercado o novo álbum do fadista Marco Rodrigues, Fados do Fado.Por questões espaço-temporais - comprei o álbum em pré-venda mas o caminho até solos Belgas é longo e demorado - não tenho ainda o disco em mãos, mas trago-o aqui na mesma.Neste álbum, pela primeira vez na colectânea de quatro discos do fadista, não existem originais. É, assumidamente, uma homenagem prestada aos homens do fado.Na voz de Marco Rodrigues reencontramos, entre tantos outros, (...)